ANSIEDADE: PROBLEMA IDENTIFICADO – QUAIS AS PROVÁVEIS CAUSAS?

Antes de ler este artigo entenda mais sobre os impactos da ansiedade no nosso corpo neste artigo.

Como na história dos três cegos descrevendo um elefante onde cada um tocou em uma parte do animal e a descrevia como se ela refletisse o todo, cada escola de pensamento médica ou psicológica, olham o elefante de uma perspectiva limitada. Contudo, todas as perspectivas devem ser integradas para se conhecer o elefante como um todo, diz o psiquiatra americano Robert Hedaya.

Assim em uma abordagem mais ampla, devemos tentar identificar o que rompeu o equilíbrio utilizando a história clínica do paciente tanto com enfoque na sua história de vida procurando verificar como aprendeu a perceber a si e aos outros e a controlar suas emoções, em como está a saúde do seu organismo [incluindo todos os sete sistemas integrados] e qual é o seu propósito de vida.

Vamos ao checklist dos 7 sistemas fundamentais do corpo:

Captura de Tela 2016-12-13 às 16.25.41.png

O cérebro tem a sua parte elétrica e química. Ele precisa de nutrientes para formar neurotransmissores, energia e que entrem na formação estrutural dos neurônios facilitando a comunicação entre as células. Além disso precisa de oxigênio.

Qualquer problema no sistema de assimilação pode dificultar a formação de neurotransmissores [mensageiros químicos importantes na comunicação entre as células nervosas], já que o cérebro como qualquer órgão do corpo precisa receber toda a matéria prima [aminoácidos, gorduras, carboidratos e vitaminas e minerais] para montar os componentes de suas células [membranas celulares, organelas e mensageiros químicos e do sistema imune] dentre outros. Uma deficiência de GABA [neurotransmissor que acalma], deixa o indivíduo extremamente ansioso. O excesso de glutamato [neurotransmissor excitatório] dispara um quadro de ansiedade e de irritação.

Também sabemos que temos mais bactérias do que células no organismo. Precisamos de uma flora intestinal equilibrada rica em lactobacilos e bífidos. Se há predomínio de bactérias patogênicas e fungos, as suas toxinas podem atingir o cérebro, ativar o sistema de defesa [a micróglia] e gerar inflamações locais com destruição de células, alterações de neurotransmissores e consequentemente influência comportamental seja com depressão, ansiedade, irritação até doenças neurodegenerativas com Alzheimer e Parkinson.

Cada vez se fala mais desse eixo de influência bidirecional entre sistema digestório e cérebro: as doenças gastrointestinais funcionais como a Síndrome do Cólon Irritável serve de modelo para exemplificar essa relação tão íntima.

Captura de Tela 2016-12-13 às 10.54.27.png

As interações bidirecionais entre o Sistema Nervoso Central [SNC] e o Sistema Nervoso Entérico [SNE] formam o eixo cérebro-intestino que é o principal meio de comunicação entre “Mente” e o “corpo” na somatização via sistema nervosa autônomo [simpatico e parassimpático], eixo hipotálamo-hipófise-adrenal e citocinas do sistema imune. Adaptado de Dressman DA, Gut 1999.

COMO TRATAR DE FORMA INTEGRADA?

Temos que equilibrar os 7 sistemas básicos do corpo, o sono e também cuidar do aspecto mental para recuperação da saúde através de atividades como:

Captura de Tela 2016-12-13 às 16.22.20.png
Na Clínica [clinica.medin88@gmail.com] fazemos o atendimento médico com avaliação de toda a parte física, solicitação dos exames laboratoriais necessários além do tratamento com uso de plantas medicinais [ocidentais ou chinesas], vitaminas, minerais e suplementos importantes para o funcionamento cerebral e para tratar doenças físicas que podem estar comprometendo o funcionamento do cérebro e gerando distúrbios de comportamento.

A Medicina Tradicional Chinesa, em sua sabedoria milenar, conta com várias formulas fitoterápicas para tratar a ansiedade seja acalmando ou nutrindo a mente. Também existem formulas para tratar a insônia, fadiga, melhorar a concentração e equilibrar o sistema hormonal.

O psiquiatra Americano Robert J.Hedaya adepto da Psiquiatria Biológica, ressalta a importância do uso de medicamentos psiquiátricos naqueles que precisam e se beneficiam deles, mas chama atenção para se buscar a menor dose possível desses medicamentos de forma a manter o paciente controlado e funcional na sua vida reduzindo efeitos colaterais decorrentes de algumas classes de psicofármacos tais como letargia física e mental, ganho de peso e redução da libido. Fazemos o acompanhamento conjunto com o psiquiatra do paciente em prol de otimizar o tratamento.

Com relação a parte mental, utilizamos a Psicoterapia EMDR [vide texto neste site] técnica americana onde levanta-se a história de vida da pessoa para se verificar os fatos que ainda afetam o seu comportamento e em cada sessão iniciamos os desbloqueios de forma que as memorias mal digeridas sejam trabalhadas. Toma-se o cuidado de trabalhar recursos que fortaleçam o indivíduo de forma que ele possa lidar com as questões que vêm a tona durante a terapia. Além dela, ensinamos as técnicas de Atenção Plena que auxilia o paciente a se manter no momento presente e usar o “modo Ser” em vez de ficar o tempo todo no “modo Fazer”.

Captura de Tela 2016-12-12 às 10.17.14.png

TERAPIAS DISPONÍVEIS NA CLÍNICA
Agende uma consulta através do e-mail: clinica.medin88@gmail.com

Captura de Tela 2016-12-13 às 16.25.41.png

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s